Euro2020
República Checa empata com Croácia e tem 'oitavos' à vista
2021-06-18 18:55:00
Patrik Schick chega ao terceiro golo na prova

A Croácia, vice-campeã do Mundo de futebol, ainda não ganhou no Euro2020, e com mais um empate no registo, 1-1 hoje com a República Checa, parece apostar tudo na terceira jornada, contra a Escócia.

Os checos gostaram do empate em Hampten Park, que os deixa na frente do Grupo D - pelo menos até ao fim Inglaterra-Escócia - e em boa posição para a passagem para a fase de eliminação direta.

Sem jogar mal, a Croácia sabe que terá de colocar 'todas as fichas' contra a Escócia. Nada que pareça muito 'complicado', já que a seleção de Modric dá sinais de que está a melhorar a qualidade do seu jogo.

O terceiro golo na prova de Patrik Schick, aos 37 minutos, de penálti, deu vantagem aos checos, enquanto Ivan Perisic apontou, aos 47, o tento dos croatas, para um resultado justo, em que ainda assim foram os croatas que mais procuraram 'resolver' o jogo na segunda parte.

Com os dois golos apontados à Escócia, Schick é o primeiro jogador neste Euro a chegar aos três tentos.

O golo checo apareceu com alguma 'lógica de jogo', numa fase em que o ascendente era deles, mas até lá apenas com uma jogada interessante, aos 18 minutos, que Schick não conseguiu finalizar.

Foi necessário recorrer ao VAR para perceber uma cotovelada de Dejan Lovren na face de Schick, em disputa aérea. Quando viu o lance, o espanhol Carlos Del Cerro não hesitou, marcou penálti e mostrou cartão amarelo ao croata.

Não perdeu tempo a Croácia e logo de seguida quase empatou por Ante Rebic, lançado por Josip Brekalo, mas o avançado do AC Milan, que estava isolado, falhou no remate.

Recomeçou bem para a Croácia a partida, que cedo marcou, graças a um esforço individual de Perisic. O jogador do Inter entrou pela esquerda e rematou seco e colocado, fora do alcance de Vaclik.

À medida que o tempo avançava era notório que as duas equipas não tinham grande vontade em arriscar o ponto que tinham, mas eram os croatas que melhor 'rendiam' no esquema de jogo mais lento, com ações perigosas de Nikola Vlasic (72) e Bruno Petkovic (89), duas apostas saídas do 'banco'.

Ficha de jogo

Jogo no Hampten Park, em Glasgow.

Croácia - República Checa, 1-1.

Ao intervalo: 0-1.

Marcadores:

0-1, Patrick Schick, 37 minutos (grande penalidade).

1-1, Ivan Perisic, 47.

Equipas:

- Croácia: Livakovic, Vrsaljko, Lovren, Vida, Gvardiol, Modric, Brekalo (Ivanusec 46), Kramaric (Vlasic 62), Kovacic (Brozovic 87), Perisic, Rebic (Petkovic 46).

Selecionador: Zlatko Dalic.

República Checa: Vaclík, Coufal, Celustka, Kalas, Boril, Masopust (Hlozek 63), Holes (Král 63), Darida (Barák 87), Soucek, Jankto (Sevcik 74), Schick (Krmencik 75)

Selecionador: Jaroslav Silhavý.

Árbitro: Carlos del Cerro (Espanha).

Ação disciplinar: Cartão amarelo para Lovren (35), Masopust (50), Boril (82) e Hlozek (90+3).

Assistência: 8.000 espetadores