Grande Futebol
“Vivi dias difíceis no hospital, mas havia pessoas a morrer com coronavírus”
2020-08-02 14:15:00
Antigo leão Ricky van Wolfswinkel fala sobre o aneurisma que o fez suspender a carreira

Ricky van Wolfswinkel, antigo jogador do Sporting, regressou aos treinos meio ano após ter removido um aneurisma.

“Foram dias difíceis que vivi no hospital, mas há coisas piores na vida. Havia pessoas a morrer com coronavírus, então ia reclamar do quê?”, comentou o dianteiro do Basileia, que representou os leões durante duas épocas, em entrevista à BBC.

O avançado holandês, de 31 anos, abriu o livro sobre um incidente “assustador”.

“Não estamos à espera de algo assim. Normalmente, com lesões, sabemos o prazo e trabalhamos duro todos os dias para progredir”, salientou.

“Não pude jogar durante seis meses. Não pude treinar, não pude fazer nada. No primeiro dia [após deixar o hospital], comprei flores para minha esposa para lhe pedir desculpas pelos próximos meses, porque sabia que ficaria mal-humorado”, concluiu Wolfswinkel.