Portugal
"Pinto da Costa não alimenta horas de televisão. Está em excelente forma"
Redação
2021-06-11 15:05:00
Em entrevista ao Bancada, ex-vice do FC Porto destaca trabalho de Pinto da Costa nas renovações recentes

Se há alguns anos atrás, no passado mais recente, o FC Porto deixou 'escapar' alguns atletas a custo zero, casos de Héctor Herrera, Yacine Brahimi, Diego Reyes ou Iván Marcano (que voltaria ao clube pouco tempo depois e ainda faz parte dos quadros azuis e brancos), na sequência de terem terminado o seu contrato, as recentes renovações de vínculo com Sérgio Conceição, Otávio e Sérgio Oliveira têm mostrado que Pinto da Costa está "em excelente forma".

Antigo colaborador da equipa diretiva azul e branca, Paulo Ramalheira Teixeira conta ao Bancada que Pinto da Costa continua a revelar arte na hora de renovar com profissionais do plantel dos dragões. É por isso com natural satisfação e agrado que tem visto que o presidente dos portistas conseguiu segurar vários atletas e o treinador mesmo quando estes podiam chegar a um entendimento com outro clube.

Ainda que possam sair do clube, até porque nestas coisas do mercado de transferências tudo é sempre possível, o antigo vice-presidente dos dragões lembra que, nesse eventual cenário, a SAD azul e branca já seria ressarcida financeiramente.

Além disso, Paulo Ramalheira Teixeira destaca que, apesar das horas de programas e textos em jornais que se foram fazendo a respeito, sobretudo, da renovação de Sérgio Conceição, apontando paragens para o treinador longe do Estádio do Dragão, Pinto da Costa manteve o assunto sob controlo e geriu a situação até entender que era chegado o tempo de comunicar oficialmente a renovação. Essa e a de outros jogadores como Otávio e Sérgio Oliveira.

Perante estas operações bem sucedidas recentemente e pela forma como foram alcançadas, o antigo dirigente do FC Porto elogia a capacidade que Pinto da Costa continua a revelar no cargo que desempenha.

"É característica do nosso presidente não alimentar páginas e páginas de jornais, horas e horas de rádio e televisão, falando no evoluir das contratações de jogadores ou de técnicos."

Ao Bancada, o antigo vice-presidente do FC Porto lembra uma velha máxima do povo que diz que "o segredo é a alma do negócio". E nota que essa máxima continua a imperar no trabalho do líder azul e branco.

"O presidente Pinto da Costa demonstrou mais uma vez estar em excelente forma, não renegando o título do mais antigo dirigente e gestor desportivo da Europa e quiçá do Mundo", concluiu.

Pinto da Costa viu o seu mandato renovado, no ano passado, pelos associados do FC Porto que revalidaram a sua confiança no trabalho que desempenha há quase quatro décadas no mais alto cargo da estrutura portista.