Portugal
Pinto da Costa fala em "vergonha" dada por Lisboa nos festejos do Sporting
Redação
2021-05-13 12:45:00
Líder portista satisfeito com escolha do Dragão para a final da Champions

O presidente do FC Porto reagiu à escolha do Estádio do Dragão para receber a final da Liga dos Campeões e aproveitou para falar da "vergonha" que se passou em Lisboa durante os festejos do título do Sporting, na terça-feira passada. O líder dos dragões diz que a escolha do Estádio do Dragão para receber o jogo decisivo da Champions é uma "prova de confiança total" dada ao clube por si liderado e, ao mesmo tempo, uma forma de "desmanchar" a cena "degradante" que se assistiu desde a capital.

"Demonstra que, de facto, em Portugal se conseguem realizar grandes eventos mesmo em pandemia e, depois da vergonha que se assistiu em Lisboa, há dois dias, é necessário desmanchar essa má imagem que Portugal deu a todo o país, que as autoridades deram em Lisboa ao permitiram que se assistissem a cenas degradantes em termos de defesa da saúde pública".

Pinto da Costa diz que a escolha do Estádio do Dragão para receber a final da Champions League desta temporada se deve também ao prestígio que Fernando Gomes, presidente da Federação Portuguesa de Futebol tem na UEFA mas também ao facto de a entidade que tutela a mais emblemática competição de clubes europeus saber aquilo que o FC Porto e a sua estrutura podem fazer no apoio do jogo.

"Estou certo de que tudo irá correr da melhor maneira. Os adeptos portugueses serão recatados como têm sido sempre", comentou Pinto da Costa, lembrando que a UEFA ao querer ter público nos estádios levou a que o Governo pudesse permitir a presença de público na última jornada do campeonato em algo que Pinto da Costa lê como "uma boleia".

"É uma medida oportunista, que eu reprovo e vai contra a verdade desportiva", salientou Pinto da Costa, lembrando que há clubes que vão ter apoio nas bancadas em jogos decisivos e outros não.