Prolongamento
"Não é normal uma equipa ter um penálti e os outros terem 14, 15 e 16"
2022-01-20 13:20:00
"Pode acontecer mas não acho normal", refere Diamantino Miranda

O estudo divulgado pelo Observatório do Futebol (CIES) relativamente aos penáltis que têm sido marcados nas principais competições revelou, no que à realidade portuguesa diz respeito, uma ampla vantagem de FC Porto e Sporting em relação ao Benfica no que toca aos pontapés da marca dos 11 metros, situação que tem merecido reparos e comentários por parte de figuras ligadas à história do emblema da Luz que, recorde-se, nos últimos anos se tem queixado de que os rivais vão tendo mais penáltis assinalados.

Assim, tendo agora por base uma análise científica por via do estudo do Observatório do Futebol, da Luz chegam críticas à tendência que se vai verificando no que toca a esta estatística e que coloca os rivais das águias com vantagem neste capítulo em 'desfavor' dos encarnados, que não constam sequer no top 100 das equipas com mais penáltis a seu favor, isto tendo por consideração as competições analisadas.

O estudo revelou, desde logo, no que toca à situação lusa, que o FC Porto é o 'campeão' na marca dos 11 metros, seguido pelo Sporting e Diamantino Miranda acha que a diferença entre dragões e leões para com as águias "não é normal".

"Todos sabemos que, muitas vezes, num jogo de futebol quando as coisas não estão a correr...", defendeu o antigo jogador de futebol, realçando, no entanto, que este dado saído da estatística pode não explicar tudo.

"Não deve ser só por isso que o Benfica tem essa diferença", afirmou Diamantino Miranda, curioso, ainda assim, com a estatística do número de ataques das equipas ditas 'grandes' para conseguir ter uma opinião relativamente ao número de penáltis que Benfica, FC Porto e Sporting têm tido nas últimas temporadas, com uma diferença 'negativa' das águias para os rivais leoninos e dragões.

Nesse sentido, Diamantino Miranda diz que a diferença no número de grandes penalidades que são assinaladas a favor de FC Porto e Sporting, nos últimos anos, por oposição às que são marcadas ao Benfica devem motivar reflexões.

"Não é normal. Quer dizer, uma equipa ter um penálti enquanto os outros têm 14, 15 e 16 não é muito normal. Pode acontecer mas não acho normal", sublinha Diamantino Miranda.

Assim, em declarações na CMTV, o antigo jogador encarnado chamou a atenção para o papel decisivo que muitas vezes as grandes penalidades assumem para permitir às equipas encararem as incidências de uma partida com outro tipo de ânimo.

"Muitas vezes, conseguem-se desbloquear jogos quando as coisas não estão a correr bem às equipas", lembrou Diamantino Miranda, precisando que, deste modo, "vão-se desbloqueando jogos com penáltis e muitas vezes viram-se as performances através de um penálti que é finalizado".