Euro2020
Kjær aclamado. Capitão dignificou mais que ninguém a braçadeira
2021-06-13 15:15:00
Imprensa mundial rendida à dimensão revelada pelo capitão da Dinamarca perante situação de Eriksen

Christian Eriksen caiu inanimado no Estádio Parken durante o Euro2020 e rapidamente os golos, as faltas e toda a conversa que um jogo sempre gera e provoca passaram para último plano. Naquele momento, todos se uniram para ajudar, de que maneira fosse, a salvar a vida do talentoso camisola 10 da Dinamarca. O foco foi totalmente para o jogador mas agora, aos poucos, vão sendo destacados os heróis que, com a sua ação, ajudaram a salvar a vida de Eriksen. Entre eles está Simon Kjær, o capitão em toda sua dimensão.

A imprensa mundial destaca toda a liderança que Simon Kjær foi capaz de exercer num momento tão delicado como aquele, depois de o socorrer. Da ação rápida para ajudar a salvar o colega de seleção e amigo, à capacidade de proteger não só a vida mas também a privacidade de Eriksen, enquanto este era assistido pelas equipas médicas, e, como se já não fosse suficiente, ainda teve 'sangue frio' para perceber que Sabrina Kvist Jensen, companheira de Erikson, precisava de um abraço e foi dá-lo junto à linha lateral, tentando acalmá-la e confortá-la perante uma experiência traumática como aquela vivida.

Em Espanha, a Marca destaca que Simon Kjær é o "verdadeiro capitão, que se tornou um herói". "Sem se perder entre os nervos, colocou Eriksen na posição lateral de segurança e confortou a companheira de Eriksen". Por isso, diz-se que 'dignificou mais que ninguém o uso da braçadeira'.

Já o britânico Dailymail realça a "demonstração notável de bravura e liderança" reveladas por Simon Kjær que depois de ajudar o colega com uma reação rápida, ainda teve discernimento para pedir aos colegas para formarem uma barreira para manter a privacidade do jogador.

E depois ainda teve capacidade para correr até a esposa de Eriksen, que foi autorizada a ir ao relvado para estar mais próxima dos acontecimentos.

"Abraçou-a enquanto as cenas delicadas se desenrolavam", explica o Dailymail, enquanto que a Sky destaca ser necessário "saudar um herói", aludindo a Simon Kjær.

Em Itália, a La Gazzetta dello Sport diz que Simon Kjær "é mais que um companheiro de equipa" e a Fox realça que o defesa da Dinamarca teve capacidade de "pensar rápido" e isso "pode ter ajudado a salvar a vida do companheiro Christian Eriksen".

Perante tudo isto, e ainda com tantos jogos por realizar neste Euro2020, é certo que, entre as grandes figuras do inédito torneio da UEFA, neste ano realizado em vários países, estará para sempre o nome de Simon Kjær. A ele, por certo, vão juntar-se os médicos e socorristas que conquistaram o mais importante troféu ao resgatarem a vida de Eriksen.