Portugal
Bruno de Carvalho "sistematicamente perseguido com mentiras", reage Godinho
2020-11-29 15:35:00
Antigo vice-presidente aborda notícia de alegada investigação ao Sporting

A notícia de uma alegada investigação ao Sporting, por causa da compra de Matheus Oliveira ao Estoril, não surpreendeu Alexandre Godinho, antigo vice-presidente dos leões.

Na ótica do ex-dirigente, essa notícia, hoje avançada pelo Jornal de Notícias, faz parte da campanha mediática para denegrir Bruno de Carvalho, que era então o presidente do Sporting.

Através do Twitter, Alexandre Godinho aproveitou para lembrar a transferência de João Félix do Benfica para o Atlético Madrid, muito acima do valor do mercado do jogador, um dos dados que, de acordo com a notícia do JN, levantou suspeitas às autoridades.

"Entre vontade de rir e indignação de quem nada deve mas é sistematicamente perseguido com mentiras por uma comunicação social capturada, lembro-me do 'valor de mercado' do João Félix ou dos negócios de Varandas e esboço um sorriso...", escreveu o antigo vice-presidente do Sporting.

O tweet de Godinho liga ainda para uma publicação de Bruno de Carvalho, também no Twitter, com o ex-presidente dos leões a salientar que Matheus Oliveira, comprado por dois milhões de euros em 2017, "valia 2,5 milhões em 2019".

O ex-dirigente do Sporting tem sido um firme defensor de Bruno de Carvalho, alegando que casos como o Cashball e o julgamento do ataque a Alcochete serviram para "diabolizar" o presidente destituído.