Prolongamento
"Benfica deve fazer uma exposição à UEFA. Direção representa milhões de pessoas"
2022-01-20 10:05:00
"Sporting e FC Porto não estão a jogar bem mas são empurrados para cima. Faço-me entender?", diz Capristano

O Benfica segue atrasado na luta pelo título, com FC Porto e Sporting com nove e seis pontos de vantagem, respetivamente, e José Manuel Capristano, antigo vice-presidente do clube da Luz, entende que a administração liderada por Rui Costa não pode ficar parada, desafiando os órgãos diretivos das águias a tomarem medidas, entre quais, aconselha a uma exposição junto da UEFA.

Aproveitando as críticas recentes de Frederico Varandas ao trabalho do ex-árbitro Vítor Pereira enquanto este liderou o Conselho de Arbitragem, José Manuel Capristano diz que, perante isto, como é que o Benfica nada faz contra Fontelas Gomes, atual líder do organismo que tutela a arbitragem, lembrando que é um "ex-árbitro de futebol de praia" que agora decide a vida da arbitragem nacional.

 

"A direção do Benfica tem de ser mais eficaz, mais contundente. Até mais, não sei se não pode fazer uma exposição à UEFA. Isto é um escândalo. As arbitragens são de tal maneira contra o Benfica e a favor dos outros, no plural, quer um quer outro, que o Benfica tem que se...".

Por outro lado, José Manuel Capristano lembra a dimensão que o clube encarnado tem, sobretudo, no país mas não só, para desafiar os dirigentes atuais do emblema lisboeta a tomarem medidas enérgicas.

"O Benfica é o maior clubes português. A direção do Benfica representa milhões de pessoas. Tem que se assumir a responsabilidade de ir ao presidente da Federação Portuguesa de Futebol, ao presidente da Liga, ao presidente dos árbitros, porventura ao Secretário de Estado do Desporto, porventura fazer uma exposição à UEFA via Federação Portuguesa de Futebol."

José Manuel Capristano, antigo vice-presidente encarnado, diz que é preciso travar o rumo que a arbitragem vem tomando. "Isto é um escândalo todos os fins de semana. O Benfica é prejudicado e os outros são beneficiados".

Em declarações no canal A Bola TV, o antigo vice-presidente benfiquista realçou ainda que "Sporting e FC Porto não estão a jogar bem mas são empurrados para cima".

Ao contrário, na leitura de Capristano, "o Benfica não está a jogar bem mas é empurrado para baixo". "Faço-me entender? Vejam bem", aconselhou Capristano, que teve ainda tempo para criticar a abordagem das águias no mercado de transferências, exigindo responsabilidades.

"O Benfica tem jogadores que não têm categoria para jogar no Benfica. E ia mais longe. Não sei, neste momento, sinceramente, quem faz parte do 'scouting' do Benfica. Quem é que manda no 'scouting' do Benfica?"

Neste sentido, Capristano diz que não percebe algumas decisões que o Benfica não tem por antecipação. "Quem é que deixa ir o Eustáquio para o FC Porto, o Pedro Gonçalves para o Sporting, o Nuno Santos para o Sporting, o Taremi para o FC Porto? Quem é que anda tão distraido?"

Deste modo, Capristano realça não saber quem comanda o 'scouting' na Luz mas diz que a direção tem de tomar medidas também por aqui. "Não sei quem é o 'scouting' do Benfica mas tem que se pedir responsabilidades".